Cadastro para acesso a programas sociais de renda

  • fevereiro 11, 2020

Cadastrar Senha Cartão Bolsa Família 2021

Depois de receber o Cartão Bolsa Família, o cidadão beneficiário terá de cadastrar uma senha de acesso para ele, sendo que esta senha deverá ser pessoal e totalmente intransferível, não podendo ser perdida ou esquecida, para evitar transtornos com sua recuperação.

O procedimento para cadastro da senha Cartão Bolsa Família deverá ser feito pelo telefone, sendo que após isto, o cidadão beneficiário terá de se dirigir ao atendimento presencial para confirmar a solicitação.

Ligando no telefone que a Caixa Econômica Federal disponibiliza para esta operação, digitando a opção de número 5 e depois a opção de número 2 no menu de atendimento, o cidadão será direcionado para a central correta.

Será fundamental que ele tenha em mãos os seguintes documentos para dar prosseguimento à sua solicitação de cadastro da senha:

  • Número do CPF (Cadastro de Pessoa Física);
  • Número do NIS (Número de Identificação Social).

Depois de passar por este atendimento telefônico, o cidadão beneficiário terá de se dirigir até uma agência da Caixa ou até uma casa lotérica munido de seu documento de identidade e do Cartão do Bolsa Família 2020 para que a parte final do processo de cadastramento de senha seja concluída.

Como sacar o pagamento com o Cartão Bolsa Família 2021

A parte mais importante do processo para as famílias carentes que são beneficiadas por este programa assistencial, o pagamento do Bolsa Família 2021 exigirá máxima atenção, pois ele segue um calendário rígido de liberação dos pagamentos mensais.

Este calendário respeita o último dígito do NIS, e coloca datas para recebimento, que deverão ser respeitadas pelos cidadãos pertencentes às famílias carentes que participam do cadastro do Bolsa Família.

Na data estipulada no calendário de pagamento do programa (que é disponibilizado na internet, no site da Caixa, ou pode ser consultado em caixas eletrônicos deste mesmo banco com o Cartão Bolsa Família 2021 ou com o Cartão Cidadão), o cidadão deverá se dirigir até uma agência da Caixa Econômica Federal ou até uma casa lotérica.

Para ambos os casos, ele deverá portar em mãos o:

  • Cartão Bolsa Família com a senha de acesso
  • Cartão Cidadão com a senha de acesso;
  • Documento de identidade com foto para efetuar o saque.

No caso de não estar nem com o Cartão do Bolsa Família, nem com o Cartão Cidadão, para efetuar o saque o cidadão beneficiário deverá se dirigir exclusivamente até uma agência da Caixa Econômica Federal munido do número do NIS e de um documento de identidade com foto para realizar o procedimento de recebimento do pagamento do Bolsa Família.

Divulgada lista de ingressantes para o ensino superior

  • dezembro 18, 2019

Existem três opções onde é possível fazer a consulta resultado SISU 2021:

  • Consulte no site do SISU, através do boletim do candidato;
  • Consulte nas instituições participantes;
  • Consulte na central de atendimento do MEC, através do telefone 0800-616161.

Essas são as formas disponíveis para que você possa ter conhecimento sobre como foi o seu SISU 2021 resultado e se você vai conseguir uma vaga. Caso você tenha sido aprovado, será necessário aguardar a próxima etapa que consiste na matrícula na instituição onde você estava disputando as vagas. Essa etapa é muito importante e você não pode perder o prazo.

Para ajudar mais ainda o candidato a consultar SISU 2021 resultado mostraremos a seguir um breve passo a passo para realizar a consulta através da internet. Confira:

  • Acesse o site sisu.mec.gov.br/;
  • Visualize o menu lateral “tire suas dúvidas”;
  • Clique em “Resultado”.

O SISU resultado vai mostrar se você conseguiu a vaga pleiteada ou não. Lembrando que você pode concorrer aos dois cursos que marcou, então não deixe de verificar a situação para cada um deles. A consulta é feita de forma gratuita, através de qualquer um dos meios citados acima.

Como funciona a nota de corte Sisu?

É importante entender como funciona a nota de corte do SISU 2021. Durante o período das inscrições o programa calcula a nota de corte para cada curso com base no número de vagas disponíveis e no total de candidatos inscritos para cada um.

A nota de corte serve para selecionar o candidato que vai ficar entre os potencialmente selecionados. Sendo assim, quem não tiver uma nota igual ou superior a de corte não consegue concorrer às vagas após o SISU 2021 resultado for divulgado.

Para consultar a nota de corte para o seu curso, basta entrar no site do SISU. Se você tiver uma nota alta, você terá grandes chances de conseguir uma vaga, não deixe de correr atrás o quanto antes.

Como aplicar a nota do SISU para entrar na universidade?

Muitos querem saber como usar a nota do SISU para entrar na universidade. Esse processo não tem segredo, mas para participar do programa de seleção unificada é necessário que você tenha participado da última edição do Enem.

O resultado SISU 2021 vai depender da nota do Enem, é com ela que você concorre as oportunidades do SISU, assim como concorreria se fosse no Prouni. Para entrar na universidade usando a nota do SISU, o primeiro passo é participar do processo seletivo e ter uma nota acima da nota de corte.

Vale lembrar que existem várias instituições de ensino conveniadas com esse programa, logo, é importante que você veja qual na sua região está oferecendo vagas e para quais cursos.

Agora que você já sabe como realizar a consulta SISU resultado 2021 e utilizar a nota do mesmo para ingressar numa universidade pública, não perca tempo e entre já no site do MEC para realizar o processo. Caso exista dúvidas, deixe um comentário logo abaixo. Boa sorte!

Como resgatar os créditos da Nota Fiscal Paulista

  • maio 21, 2019

Você sabe o que é a NFP? Toda vez que você realizar uma compra em um estabelecimento conveniado, o consumidor poderá ter uma parte do valor gasto retornado em forma de créditos. Muita gente não sabe, mas o Governo de São Paulo lançou esse programa com o intuito de diminuir a sonegação de impostos por parte dos comerciantes, lojas do varejo e prestadores de serviço.

Confira a seguir mais informações a respeito desse programa, e saiba como você pode se beneficiar disso.

Como consultar os créditos disponíveis na minha conta

Antes de realizar o primeiro saque, o usuário deverá fazer primeiro uma transferência de 25 reais para comprovar a legitimidade da conta com o CPF cadastro na nota Fiscal Paulista.

  1. Entre no site da NFP, a partir do seu navegador predileto, através do seguinte endereço: https://www.nfp.fazenda.sp.gov.br/login.aspx?ReturnUrl=%2f e clique entrar.
  2. Caso ainda não possua um cadastro, clique em cadastro de pessoa física ou jurídica (de acordo com a sua realidade) e cadastre sua senha.
  3. No próximo passo, insira o número do seu CPF e a senha recém-cadastra, e a seguir clique em OK.
  4. Agora você poderá ver a quantidade de créditos que possui em sua conta. Mesmo que haja uns R$ 1.000,00 disponíveis para ser sacados, a primeira transferência (a chamada de segurança) é de R$ 25 reais. Depois dessa transferência, o usuário poderá fazer quantas transações quiser.

Como transferir o dinheiro para minha conta

Nesse momento, o usuário deverá informar todos os dados bancários de sua conta corrente, e ver quando poderá realizar o próximo saque. Mesmo que você tenha feito suas compras recentemente, demora algum tempo para que esse valor seja devolvido em forma de créditos em sua conta. Por isso mesmo, é necessário ter paciência e sempre estar consultado seu saldo para saber qual é o momento certo para sacar seu dinheiro.

É possível transferir os créditos para uma conta-corrente ou poupança. Ou, caso o usuário preferir, ele poderá utilizar os créditos para abater no pagamento do IPTU.

De onde vem o dinheiro da ICMS?

Como você pode ver no artigo “Estabelecimentos Cadastrados na Nota Fiscal Paulista”, há uma lista de lojas e comércios que fazem parte do programa. Ao comprar produtos ou serviços dessas empresas, um valor do ICMS (que pode chegar até 30%) do que foi gasto é devolvido para o consumidor, geralmente em um prazo de 30 a 40 dias, e esse valor poderá ser utilizado da forma que a pessoa entender.

Contudo, é muito importante que, além de estar cadastrada no programa, a pessoa exija as notas fiscais com o número de seu CPF. É preciso que o estabelecimento registre seu CPF para que os créditos sejam creditados a eles.

E você, já aprendeu a resgatar os créditos da NFP ou ainda ficou com dúvidas? Faça um comentário e compartilhe suas questões com a gente.